Se você ainda estava em dúvida se chegou a hora de você dividir sua vida com um felino, nós vamos te responder: sim, chegou a hora! Brincadeiras à parte, gatos são muito divertidos, fofos e carinhosos. Ter um gatinho por perto é, com certeza, o motivo de muitos sorrisos durante o nosso dia a dia! Mas afinal, como cuidar de gato em apartamento?

Mas nós entendemos que diversas dúvidas podem surgir na hora de ter um animalzinho. E quando falamos de gato em apartamento, uma das principais preocupações pode ser a segurança dele, não é mesmo? 

É por isso que estamos aqui para falar tudo que você precisa saber. Vamos dar dicas de segurança, higiene e até de brinquedos que ele pode acabar adorando. Então, venha com a gente para aprender como criar um gato em apartamento!

A segurança do gato em apartamento

Primeiro o mais importante: a segurança. Os gatos adoram subir nos lugares altos para poderem observar todo aquele mundo que os pertence. Então, acostume-se, porque ele vai subir na estante, no guarda-roupa, na geladeira… O perigoso mesmo é quando ele resolve subir nas janelas para olhar lá fora (ou mesmo ficar na varanda) e é por isso que vamos falar sobre a proteção de janelas para gatos.

A proteção de janela para gatos

As redes de segurança são extremamente importantes para o seu gatinho. Então, essa é a primeira coisa que você deve prestar atenção, antes mesmo de arrumar um pequeno reizinho ou uma pequena rainha, essa parte já precisa estar pronta.

Gatos são caçadores natos e, enquanto ele estiver olhando lá fora, se alguma coisa chamar a atenção, o primeiro instinto dele é tentar alcançar. Esse é o maior perigo quando se trata de gato em apartamento.

Então, para evitar quedas ou acidentes, instale telas de proteção em todos os locais com acesso para a rua. Até mesmo (e principalmente) em janelas pequenas, como costumam ser as do banheiro. Gatos adoram se espremer nesses espacinhos. Vamos tomar muito cuidado!

É fácil encontrar na internet ou em lojas especializadas um kit com essa proteção de janela para gatos. Só lembre-se de que elas não duram para sempre: por tomar muito sol e chuva, o recomendado é que elas sejam trocadas a cada 5 anos.

Cuidado com produtos tóxicos

Mesmo se ficarmos o dia todo em casa, há momentos em que o gatinho simplesmente vai desaparecer de nossa vista e sair para explorar os seus domínios. Como não é possível ficarmos de olho nele o tempo todo, a recomendação é que você preste atenção em tudo que possa acabar fazendo mal e tirando isso do caminho. 

É o caso de produtos de limpeza, medicamentos, inseticidas, restos de alimento… É importante ficarmos de olho, seja trancando esses produtos tóxicos em algum armário ou colocando coisas perigosas em algum lugar onde ele não consiga acesso. 

gato em apartamento brincando com seu dono
Muitas pessoas preferem ter gato em apartamento por se tratar de um animal pequeno, mas é muito importante estar atento aos cuidados que os gatinhos precisam.

Higienize e limpeza para gato em apartamento

Não precisamos falar o quanto a higiene é importante, por isso, a melhor dica que podemos dar é: faça disso um hábito. E essa dica também vai ajudar você a não se estressar com isso, pois gatos soltam pelos e acabam deixando migalhas ou fazendo pequenas bagunças.

E se tratando de um espaço menor, é essencial manter a limpeza em dia quando cuidamos de um gato em apartamento. Mas se a limpeza for um hábito, a sujeira não irá se acumular.

Dica extra: está cheio de pelos no sofá? Pegue uma luva de borracha, coloque-a na mão e molhe bem de leve. Vá passando a mão no sofá e você vai perceber que os pelos ficarão grudados nela. 

O momento da escovação

Gatos costumam soltar muito pelos, então vamos dar outra dica que pode acabar sendo um ótimo momento para vocês dois: separe algum horário do dia, para ser a hora da escovação. Faça disso uma rotina.

No começo ele pode ficar bem bravo e não entender muito bem o que está acontecendo, mas com o passar do tempo, pode se tornar um dos momentos favoritos dele.

Inclusive, depois que ele se acostumar, essa também pode ser a hora de você procurar por arranhões, lesões ou pequenos machucados. Porque animais se machucam, mas a não ser que esteja doendo muito, eles não virão nos contar. Então aproveite para fazer carinho, morrer de fofura, diminuir a quantidade de pelos que ele vai soltar depois pela casa e ainda procurar por algum machucadinho. Amor e cuidado andam juntinhos.

A caixinha de areia para um gato em apartamento

As caixinhas de areia também são muito importantes! Compre uma areia especial (que vende em qualquer pet shop) e o gato vai se acostumar rapidamente com ela. Inclusive, talvez duas caixinhas, em pontos diferentes da casa, sejam o ideal. 

Limpe a caixinha diariamente e troque toda a areia pelo menos umas 2 vezes por semana. Gatos gostam de ambientes limpos e precisam se sentir seguros, se não, ele irá procurar outro lugar para fazer suas necessidades.

Brincadeiras com um gato em apartamento

mulher com gato em apartamento pensando em brincadeiras
Brincar com um gato em apartamento é simples, pois gatinhos são animais muito curiosos.

Por mais que a gente associe mentalmente os gatinhos com animais preguiçosos – ok, eles realmente dormem bastante – eles também têm ótimos momentos onde ficam ligados no 220. Então, como não temos um quintal para que eles possam correr e brincar com a natureza, o segredo é encher a casa com brinquedos e coisas que ele possa arranhar e morder. Muitos arranhadores já vem com alguns brinquedinhos pendurados!

Separe algum horário todos os dias para vocês brincarem bastante. Além de ser muito legal, isso também diminui o stress do animal, o que vai fazer ele se alimentar melhor, ficar mais tranquilo e até perder menos pelos.

Mas não se frustre se você comprar um brinquedo muito legal e ele acabar preferindo o pacote, a sacola ou mesmo a caixa de papelão… Gatos são assim mesmo. Independente de ser um gato em apartamento ou em um lindo gramado, gatos adoram uma caixinha de papelão.

A hora do passeio

Um gato em apartamento precisa passear. Mas precisa também que esse seja um momento relaxante. Então, vamos com calma. Os primeiros passeios serão lentos, demorados e vocês não irão tão longe. O bichano precisará se acostumar com o momento, ele vai querer cheirar tudo fora do seu apartamento para pode se sentir seguro. Então deixe-o fazer isso. Lembra que esse é um momento mais dele do que seu.

Para passear também você vai precisar de uma coleira especial para gatos. E esse é mais um momento para fazer devagar. Coloque a coleira e veja como ele se sente, vá tentando devagar até que ele esteja completamente confortável. Tudo nesse passeio precisa ser tranquilo, porque se não o gato ficará extremamente nervoso e vai criar recordações ruins desses momentos, até não querer mais sair.

Por fim, escolha lugares tranquilos e passeios realmente curtos. Sem muitas pessoas ou outros animais. O gatinho precisa associar esse momento como algo bom, tranquilo, que seja proveitoso para esticar as pernas e tomar um ar diferente.

Respeite o espaço

gato em apartamento cheirando uma planta

Gatos são carinhosos e espaçosos. Não são tão eufóricos quanto os cachorros, mas também apreciam companhia, amor e carinho atrás da orelha. Contudo, em alguns momentos, o gato vai querer o espaço dele. É por isso que ele marcará algum móvel ou alguns cantinhos onde ele simplesmente ficará deitado, existindo e refletindo sobre a vida.

Às vezes, algumas pequenas mudanças (como trocar o lado do sofá) podem deixá-lo muito estressado, e é por isso que é importante brincar sempre e ter várias coisas que ele possa arranhar. Assim, esses momentos podem ficar mais tranquilos.

Por fim, não se esqueça que decidir ter um gato em apartamento, também é decidir ter uma vidinha ao seu lado. Um companheiro, que vai querer sua atenção e vai estar sempre por perto quando você precisar. Ele vai te ouvir, vai te fazer rir e vai achar que a casa é toda dele (e talvez seja mesmo). É um bichinho cheio de amor, pelo qual você irá se apaixonar todos os dias!

Gostou das dicas de como cuidar de gato em apartamento? Fique de olho em nosso blog!

Este artigo foi útil?

Sim Não
Savegnago

Por: Savegnago

Por: Savegnago

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *